TIJUANA – CORINTHIANS 1-0
COPA LIBERTADORES 2013 – SEGUNDA FASE – GRUPO 5 – 3ª RODADA
DATA: quarta-feira, 06/03/2013
LOCAL: Estádio Caliente, Tijuana, Baja California – México
PÚBLICO: não disponível
RENDA BRUTA: não disponível
RENDA LÍQUIDA: não disponível
DESPESAS: não disponíveis
ÁRBITRO: Victor Hugo Carrillo (Peru).
ASSISTENTES: Jonny Bossio e César Escano (ambos do Peru).
GOL: 64’ Gandolfi.
CARTÃO AMARELO: Aguilar, Gandolfi e Moreno; Fábio Santos, Paulinho e Paolo Guerrero.
TIJUANA: Saucedo; Abrego, Aguilar, Gandolfi, Nuñez; Pellerano, Arce, Corona, Fidel Martínez (84’ Garza); Moreno (69’ Ruiz) e Riascos (89’ Enríquez). Técnico: Antonio Mohamed.
CORINTHIANS: Cássio; Alessandro (72’ Edenílson), Gil, Paulo André (78’ Romarinho), Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo, Renato Augusto (81’ Douglas); Alexandre Pato e Paolo Guerrero. Técnico: Tite.
[Com este resultado, o Corinthians perdeu uma invencibilidade de 16 jogos na Copa Libertadores, com nove vitórias e sete empates. O time alvinegro poderia igualar o recorde de maior invencibilidade do torneio, que é do peruano Sporting Cristal, com 17 jogos nas campanhas de 1962, 1968 e 1969. O Timão também perdeu uma invencibilidade de 14 jogos. Desde a derrota para o Deportes Tolima, da Colômbia, em 2 e fevereiro de 2011, o time somou nove vitórias e cinco empates. Os corinthianos deixaram o estádio Caliente, que pela primeira vez recebeu um jogo do Alvinegro, reclamando da grama sintética e do árbitro peruano Victor Hugo Carrillo. Isso porque consideraram o gol do Tijuana, que também jogou com o Corinthians pela primeira vez, irregular e tiveram dois tentos de Paulinho anulados no primeiro tempo.]

 
 
voltar
© acervoSCCP