CORINTHIANS – CRUZEIRO 1-0
CAMPEONATO BRASILEIRO 2010 – 35ª RODADA
DATA: sábado, 13/11/2010
LOCAL: Estádio Paulo Machado de Carvalho, São Paulo, São Paulo - Brasil
PÚBLICO: 39.390 presentes (35.935 pagantes + 3.455 não pagantes)
RENDA BRUTA: R$ 1.279.352,50
RENDA LÍQUIDA: R$ 887.870,24
DESPESAS: R$ 391.482,26
ÁRBITRO: Sandro Meira Ricci.
ASSISTENTES: Roberto Braatz e Alessandro Alvaro Rocha de Matos.
GOL: 88’ Ronaldo (p).
CARTÃO AMARELO: Bruno César e Dentinho; Fabrício, Gil, Gilberto, Roger e Thiago Ribeiro.
CARTÃO VERMELHO: 85’ Gil, 88’ Cuca (por ofensa ao árbitro), Gilberto (após o término da partida por ofensa ao árbitro).
CORINTHIANS: Júlio César; Alessandro, Chicão, William, Roberto Carlos (90’ Leandro Castán); Ralf, Jucilei, Elias, Bruno César (63’ Jorge Henrique); Dentinho (79’ Danilo) e Ronaldo. Técnico: Tite.
CRUZEIRO: Fábio; Jonathan, Léo, Gil, Gilberto; Fabrício (89’ Wallyson), Henrique, Marquinhos Paraná, Montillo (71’ Roger); Thiago Ribeiro e Wellington Paulista (81’ Farías). Técnico: Cuca.
[Com este resultado, aliado ao empate entre Fluminense e Goiás, o Corinthians voltou a liderança do Campeonato Brasileiro após dez rodadas, ficando com um ponto de vantagem sobre o time carioca – 63 a 62. De quebra, o Alvinegro bateu um adversário direto na disputa pelo título, uma vez que antes desta rodada paulistas e mineiros tinham 60 pontos e dividiam a segunda colocação. Em campo, contudo, houve muita polêmica após pênalti de Gil sobre Ronaldo, aos 85min. No lance, Jorge Henrique levantou a bola na área e o atacante saltou para dominar no peito, mas o zagueiro chegou por trás e deu um tranco muito forte, desequilibrando o camisa 9, que caiu. O árbitro Sandro Meira Ricci marcou pênalti e expulsou Gil. Os cruzeirenses cercaram Ricci para reclamar e a partida ficou paralisada por quase 3 minutos. Depois da cobrança, Cuca também foi expulso por aplaudir o árbitro de forma irônica e incentivar os jogadores do banco de reservas a protestaram. Depois do apito final o treinador criticiou o desempenho de Ricci e foi bem duro nas palavras, porém a entrevista mais polêmica foi dada pelo presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella, que ofendeu Ricci e Sérgio Correa, chefe da Comissão de Arbitragem, e ainda acusou o clube paulista de ter comprado o árbitro. O presidente do Timão, Andrés Sanchez, respondeu imediatamente por meio de uma entrevista coletiva aos jornalistas. “Se ele falou isso, vai ter de provar. Não pode colocar o Corinthians em suspeita. Eu entendo o nervosismo dele, mas nós já fomos prejudicados também. Erros acontecem. Quando fizemos dois gols contra o Guarani e o juiz anulou, não fiz escândalo”, respondeu.] Hondrocream Pilipinas - купить крем Hondrocream www.maralgelis.com.

 
 
voltar
© acervoSCCP